Servidor de E-mail Linux

Servidor de E-mail Linux é algo muito importante.

O Postfix é o servidor de e-mail Linux mais usado.

Muito importante para maioria das empresa de hospedagem ou simplesmente no âmbito corporativo.

Os servidores de e-mail Linux mais utilizados são sendmail, exim e postfix.

Normalmente o servidor de e-mail Linux que vem por padrão é o Postfix.

O Postfix é o servidor de e-mail Linux da Wietse Venema que iniciou suas atividades na pesquisa da IBM como uma alternativa ao amplamente utilizado programa Sendmail.

O Postfix tenta ser rápido, fácil de administrar e seguro.

Construído a partir do código fonte, o Postfix pode ser executado em sistemas semelhantes ao UNIX, incluindo AIX, BSD, HP-UX, Linux, MacOS X, Solaris e muito mais.

Servidor de e-mail Linux SMTP

O SMTP (Simple Mail Transfer Protocol) é o protocolo de envio de mensagens, basicamente o protocolo que você utiliza para enviar um e-mail.

Ele o protocolo que é utilizado para que os servidores de e-mail se comunicarem entre eles para transferir e-mails de um servidor para outro.

O MTA (Mail Trazer Agent) é igual ao SMTP que é basicamente o Servidor de E-mail.

A porta padrão do SMTP é 25/tcp e SMTPS é 465/tcp que nesse caso possui suporte ao TLS (Transport Layer Security).

Como funciona?

Vamos entender o como funciona um fluxo simples:

  • 1º O MUA (Mail User Agent) faz o envio de e-mail via SMTP.
  • 2º O MTA do MUA encaminha a mensagem via SMTP para MTA do destinatário.
  • 3º O MTA do destinatário recebe a mensagem.
  • 4º No MTA o MDA (Mail Delivery Agent) vai deixar a mensagem disponível para o destinatário.
  • 5º O MUA destinatário vai realizar a leitura da mensagem via protocolo POP/IMAP.

O IMAP (Interim Mail Access) roda na porta 143/tcp e IMAPS roda na porta 993/tcp usando SSL.

O POP (Post Office Protocol) roda na porta 110/tcp e POPS roda na porta 995/tcp usando SSL.

SSL (Secure Socket Layer) é a tecnologia de segurança padrão para estabelecer links criptografadas entre servidores web e navegadores.

Esse link seguro garante que todos os dados transferidos permaneçam privados. É conhecido também como TLS (Transport Layer Security).

Milhões de sites usam criptografia SSL todos os dias para proteger conexões e manter os dados dos clientes protegidos de monitoramento e adulteração

Servidor de E-mail Linux

O você pode instalar usando o instalador da sua distribuição ou verificar se ele já está instalado.

Aqui eu estou usando um CentOS Linux release 7.7.1908 (Core).

Os arquivos de configuração ficam dentro de e são eles:

  • access
  • canonical
  • generic
  • header_checks
  • main.cf (Arquivo principal de configuração)
  • master.cf (Configuração do processo master e sub-processos)
  • relocated
  • transport
  • virtual

Você pode visualizar o processos que estão rodando no seu servidor e vai perceber:

  • root /usr/libexec/postfix/master -w (Processo principal que coordena sub-processos)
  • postfix pickup -l -t unix -u (Pega as mensagem que serão tratadas pelo Postfix)
  • postfix qmgr -l -t unix -u (Manda a mensagem para a fila específica)

Dependendo da facilite e do sistema os logs vão ficar em /var/log/mail* ou /var/log/maillog.

As filas internas ficam dentro de /var/spool/postfix/ e são elas:

  • active
  • bounce
  • corrupt
  • defer
  • deferred
  • flush
  • hold
  • incoming
  • maildrop
  • pid
  • private
  • public
  • saved
  • trace

As mensagens dos usuários podem ficar dentro de /var/mail/ que é um link /var/spool/mail/. Isso pode ser diferente em algumas distribuições, e por isso o link.

Continua ….

Fim do artigo.

Clique aqui para voltar aos artigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Begin typing your search above and press return to search. Press Esc to cancel.